Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Barreirinha: Luiz Picanço e Fabrício Rocha são candidatos ‘marionetes’ do ex-prefeito Mecias Sateré

Em 2019, a Justiça Federal determinou o bloqueio de R$ 363 mil em bens do ex-prefeito Mecias Batista.

Impossibilitado de concorrer às eleições 2020 por responder a desvio de recursos públicos, o ex-prefeito Mecias Pereira Batista, vem usando os candidatos majoritário da coligação “Aliança com o povo”, Luís Picanço e Fabrício Rocha como ‘marionetes’ para se manter no poder político da cidade de Barreirinha e voltar a usufruir de bens públicos.

Um áudio de um encontro entre as representações políticas de Mecias Sateré, foi vazado e divulgado nas redes sociais, deixando nítida, a articulação de Mecias com negociação de apoio fechado a união de Luiz Picanço e Fabrício Rocha, em troca do comando de várias secretarias, “Me conformo com pouco, só quero as Secretarias de Saúde, Educação e Assistência Social”, cita Mecias.

Ouça o áudio da negociação e apoio firmados entre Mecias e os candidatos ao cargo Majoritário barreirinhense, Luis Picanço e Fabrício Rocha que circula nas redes sociais.

Bens Bloqueados

Em 2019, a Justiça Federal determinou o bloqueio de R$ 363 mil em bens do ex-prefeito Mecias Batista. A decisão foi tomada após o MPF/AM constatar que em 2012, o ex-prefeito de Barreirinha deixou de prestar conta de repasses federais destinados à construção de melhorias sanitárias.

Nesse processo, o órgão requereu a condenação de Mecias Pereira Batista às penas previstas pelo decreto-Lei 201/67 para quem “apropria-se de bens ou rendas públicas, ou desviá-los em proveito próprio ou alheio”.

Da Redação/Parintins Em Destaque

Foto: Divulgação

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.