Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Confiante no tricampeonato, Caprichoso diz que proibição de toadas de Adriano Aguiar não afetam o projeto de arena 2019

A Diretoria do Boi Caprichoso através de sua assessoria, divulgou nesta sexta-feira, 26, um comunicado informando a nação azul e branca sobre a decisão por meio da justiça do compositor Adriano Aguiar que proibi, o Boi da Estrela na Testa de executar suas toadas em eventos como festas, ensaios e até mesmo nas três noites na arena do Bumbódromo.

Tranquilizando a galera octacampeã do festival, mantendo a confiança da nação azul e branca na conquista do tricampeonato, o comunicado afirma que a proibição das toadas do compositor Adriano Aguiar não afetam o projeto de arena 2019.

Comunicado

O Caprichoso entende a importância do compositor Adriano Aguiar e sua contribuição para as edições anteriores dos espetáculos apresentados pela Associação Cultural Boi-Bumbá Caprichoso.

Na data de ontem a diretoria do boi Caprichoso foi notificada quanto a decisão do compositor de proibir, por meio da justiça,  a execução de suas toadas nos eventos da ACBBC e na arena do Bumbódromo.

Com isso, informamos a apaixonada Nação Octacampeã do Festival que o ato  de proibição de toadas, imposta pelo compositor, não afetam o projeto de arena com seus respectivos itens: figura típica, ritual, lenda Amazônica e demais alegorias, assim como o bloco coreográfico e musical. Desta maneira não comprometendo a construção do projeto 2019.

As toadas do compositor seriam usadas apenas na projeção do item 19 , galera.

Foto: Assessoria do Bumbá

Da Redação/Parintins Em Destaque

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.