Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Governo do Amazonas vai implantar núcleos de esporte em municípios do interior do estado

Buscando incentivar o esporte e descobrir talentos, a Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer (Sejel) vai implantar em municípios do interior do Amazonas Núcleos de Base para fomentar o desporto local. Inicialmente serão lançados cinco núcleos voltados para a prática do Vôlei, com o apoio da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e Federação Amazonense de Voleibol (FAV). O primeiro núcleo será entregue na quinta-feira (26/09), às 10h, no Complexo Esportivo Vicente Limão, em Presidente Figueiredo (distante 117 quilômetros de Manaus).

A Sejel, por meio do Centro de Treinamento de Alto Rendimento do Amazonas (Ctara), será responsável pela supervisão do trabalho que será desenvolvido, e a CBV ficará responsável pelo fornecimento de material, como bolas de vôlei de quadra, vôlei de praia (quando houver local para a prática), redes e antenas, além da homologação do espaço, que passa a fazer parte do programa de desenvolvimento da confederação.

O próximo núcleo a ser entregue será o da cidade de Manacapuru (a 68 quilômetros da capital), no dia 11 de outubro.

Os Núcleos de Base da Sejel foram pensados para que os esportes sejam apresentados e desenvolvidos entre crianças e adolescentes de até 15 anos. Após a entrega do núcleo, as Prefeituras Municipais, por meio das suas secretarias de Esporte, ficarão responsáveis pelas inscrições e seleção dos interessados.

Fortalecimento – Para o titular da Sejel, Caio André de Oliveira, os núcleos serão uma importante ferramenta de iniciação e desenvolvimento do esporte de base no Amazonas. “Esse projeto servirá para que possamos captar talentos e permitir que se desenvolvam da melhor forma. Queremos uma base fortalecida, e tenho certeza que os núcleos são um grande passo para essa formação”, destacou.

O secretário destacou, ainda, que além de crianças e adolescentes que participarão da iniciação esportiva, a comunidade também poderá ter acesso ao núcleo, que também vai, futuramente, abrigar competições da modalidade.

De acordo com o coordenador do Ctara, Tadeu Picanço, além de desenvolver o esporte, a implantação dos núcleos servirá de capacitação para acadêmicos, profissionais e comunidade. “Queremos incentivar, principalmente moradores dos municípios, a buscarem formação para que possam atuar na arbitragem ou como técnicos, por exemplo. Apesar de qualquer pessoa ser capaz de ajudar como monitor, é importante buscar o conhecimento e se aprimorar”.

FOTOS: Clemente Valente/Decom
TEXTO: Erleilson/Sejel

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.