Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Mecias Sateré terá de devolver R$ 2,4 milhões para a Prefeitura de Barreirinha

O colegiado do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) desaprovou as contas de 2014 do município de Barreirinha durante a 39ª sessão ordinária, na manhã de segunda-feira (12). Seguindo voto do relator do processo, conselheiro Mario de Mello, o colegiado determinou a devolução por parte do então prefeito Mecias Pereira Batista, o Mecias Sateré, do montante de R$ 2,4 milhões entre glosas, multas e alcance.

Conforme o relator, foram identificadas impropriedades como a não comprovação de gastos com combustíveis e diárias, além de débitos com o erário, juros e multas pagas nas guias de recolhimento do INSS e Fapesb, despesas realizadas em espécie não comprovadas, entre outras.

Fonte: TCE-AM
Foto: Reprodução

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.