Necropsia aponta afogamento como causa da morte de fisioterapeuta em Parintins

Apesar da dificuldade pelo estado de putrefação e por mais de 40% do corpo ‘comido’ por peixes, o legista Jorge de Paula e o auxiliar Benedito Pimentel, realizaram o exame de necropsia no crânio, tórax e abdômen do fisioterapeuta Hugo Dias e descartam qualquer tipo de fratura ou perfuração no corpo, apontando asfixia por afogamento, a causa da morte.

De acordo com o investigador Zé Maria Castro, apesar do resultado do exame, a Polícia Civil iniciou um trabalho de investigação. “O rapaz que aparece nas imagens já foi ouvido na delegacia e seu relato não nos convenceu, falando coisa com coisa. Ele vai passar por novo interrogatório para ver realmente o que aconteceu, se ele tem culpado na morte do rapaz ou se foi acidente”, informa Zé Maria.

Foto: facebook

Kedson Silva/Parintins Em Destaque

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here