Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

O crescimento da educação digital no Amazonas

Nos últimos anos, o ensino EaD vem se tornando popular no Brasil.

Graças aos avanços da tecnologia, a educação evolui a cada dia. Surgem novos formatos, novas possibilidades e, por conta disso, o ensino superior ganhou um forte aliado, que é o ensino digital. 

A Educação a Distância (EaD) é uma modalidade educacional de ensino e aprendizagem que ocorre com a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas em lugares ou tempos diversos. 

Esta definição está presente no Decreto 5.622, de 19.12.2005 (que revoga o Decreto 2.494/98), que regulamenta o Art. 80 da Lei 9.394/96 (LDB). 

Nos últimos três anos, segundo o Censo, pela primeira vez na história o número de ingressantes em cursos de Educação Digital ultrapassou a quantidade de estudantes que iniciaram a graduação presencial, isso em relação à rede privada.

Ao todo, 50,7% (1.559.725) dos alunos que ingressaram em instituições privadas optaram por cursos de EaD. Em contraponto, 49,3% (1.514.302) dos estudantes escolheram ingressar na educação superior de modo presencial.

“Aprender no ambiente digital desenvolve competências valorizadas para o empreendedorismo e mercado de trabalho, como por exemplo: disciplina, autodesenvolvimento, proatividade, resiliência e autonomia. Na prática, isso significa comprometimento entre o aluno e o estudo, além de habilidades para o mundo corporativo”, revela Iyad Amado, Diretor de Educação Digital e Expansão do Grupo de Ensino Fametro. 

Estudar na modalidade a distância exibe diversas vantagens como: flexibilidade de horário, menor custo na mensalidade, gestão pedagógica com suporte de tutores, integração das informações na plataforma de ensino, material físico e digital, chat online, diminuição de deslocamento entre casa/trabalho e instituição e diploma igual ao presencial. Além de tudo isso, o aluno pode estudar de qualquer lugar. 

Nos últimos anos, o ensino EaD vem se tornando popular no Brasil. No Amazonas, por exemplo, o crescimento foi alto. “No estado, registramos um crescimento exponencial entre os moradores do interior desejando estudar na graduação digital. Ou seja, a graduação acaba se tornando uma ferramenta de inclusão educacional e já é uma realidade. A Fametro entendeu que a maneira como as pessoas se conectam, aprendem, mudou e estamos aptos para a nova educação”, frisa Iyad.

Onde fazer um curso EaD de qualidade?

A melhor forma de se destacar no mercado de trabalho é optando por uma Instituição de Ensino bem avaliada pelo Ministério da Educação (MEC), e o Centro Universitário Fametro é nota 5 na avaliação do MEC, onde as faixas de notas vão de 1 a 5. Se você pretende começar a estudar entre em contato pelo número (92) 2121-1000 ou acessando o site fametro.edu.br

 

Foto: Divulgação

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.