Operação Arati resulta na prisão de seis pessoas e apreensão de drogas, dinheiro e motocicleta em Parintins

Prisões em flagrante de Sormany dos Santos Ribeiro, Wilkison Frade de Lima, Clemer Martins Azevedo, Maria Cristina Brandão, Pedro da Silva Campos Filho e Adelton Peres Fernandes Neto pelo crime de tráfico de drogas e a apreensão de 1,2 quilo de entorpecentes, entre cocaína, pasta base de cocaína e maconha, além de R$ 772 em espécie, 43 celulares, dois tablets e um iPad foi o resultado da Operação Arati, deflagrada pelas Polícias Civil e Militar nesta segunda-feira, 20, em Parintins (369 quilômetros de Manaus).

Participaram da operação, 40 policiais civis lotados no DIP de Parintins, no Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) e Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), além de agentes da SSP-AM, Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), e 100 militares do 11° Batalhão de Polícia Militar de Parintins (BPM) e do Batalhão de Choque e balanço da ação foi apresentado durante coletiva de imprensa realizada no prédio da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Parintins, pelo delegado-geral da instituição, Lázaro Ramos; o comandante-geral da Polícia Militar do Amazonas (PM-AM), Ayrton Norte; e pelo secretário de Estado de Administração Penitenciária (Seap), tenente-coronel Vinicius Almeida. “Mais uma operação pontual, em que todas as forças estão operando de forma efetiva para proporcionar tranquilidade à população. A Polícia Militar continua nas ruas, atendendo à determinação do governador do Estado, que tem essa visão de integração e construção de um Amazonas forte, que vai combater integralmente o crime organizado”, pontuou o comandante-geral da PM-AM.

Foto: Divulgação/AI-PCAM

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here