Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Parintins implanta protocolo nutricional em atendimento primário para diminuir internações e óbitos pelo Covid-19

Segundo o médico responsável pelo protocolo, Dr. Jorge Masullo, a utilização do aporte vitamínico potencializa o sistema imunológico e diminui os riscos de desenvolvimento de casos graves da doença.

Objetivando conter o alto número de internações e óbitos no município, a Prefeitura de Parintins, estabeleceu mudanças no tratamento da Covid-19, adotando um novo protocolo nutricional com vitaminas e minerais para fortalecer a imunidade dos pacientes. O anúncio foi feito pelo prefeito Bi Garcia, em coletiva no sábado, 06 de fevereiro, no Centro do Idoso Pastor Lessa. 

De acordo com o prefeito, a Unidade Básica de Saúde referência será o Bumbódromo, “estamos ampliando para mais 15 a 20 enfermarias. Na UBS, o paciente com sintomas primários será atendido, tomará a medicação e ficará sob avaliação médica de 12 a 24h, para se saber, se o paciente irá pra casa ou para o hospital Jofre Cohen”, informou. 

Segundo o médico responsável pelo protocolo, Dr. Jorge Masullo, a utilização do aporte vitamínico potencializa o sistema imunológico e diminui os riscos de desenvolvimento de casos graves da doença. “Com o atendimento primário, melhoramos a proteção dos pacientes. Com isso, temos a diminuição de inflamações. Se inflamar menos, a recuperação é muito maior e ele não vai até a hospitalização ou ficar grave. É muito mais fácil se curar uma pessoa infectada no primeiro dia do que no sétimo”, enaltece. 

Primeiros Resultados

Bi Garcia destacou que o novo protocolo vem apresentando resultados fantásticos. “Cerca de 40 pacientes são atendidos por dia e temos uma média de 3 a 5 pacientes apenas encaminhados para internação, e isso é fruto desse tratamento primário que está sendo executado naquela unidade de saúde. Para as pessoas que aparentam estar bem, estamos entregando o kit com a medicação básica para levarem para continuar tratamento em casa”, avaliou.

Conscientização da População

O Dr. Jorge Masullo faz um apelo para as pessoas que têm sintomatologia de Covid (tosse seca, falta de ar, febre, dor de cabeça, diarreia) ou qualquer outro sintoma, que procure as Unidades Básicas de Atendimento a doença. “Temos que conscientizar a nossa população a procurar atendimento logo no primeiro dia. Para as pessoas que estão sabendo que estão com Covid, fiquem em casa, em quarentena e isolamento, porque na hora que você sai para falar com o vizinho, ir a farmácia, ao supermercado ou a feira, está contaminando outras pessoas”, explica.

O médico acredita que com a conscientização da população, os números de contaminados pelo Covid baixa e leva menos pessoas para o hospital. “Tem que ficar isolado, as pessoas que tem contato com alguém infectado também. O primeiro atendimento é fundamental nessa patologia”, reforça.

 

Kedson Silva/Parintins Em Destaque

Foto: Yuri Pinheiro e Márcio Costa-Secom

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.