Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Por R$ 300,00 : Pais denunciam possível venda e reserva de vagas escolares em Parintins

A Seduc, após ser comunicada pelo vereador Babá Tupinambá, afirma que vai investigar as denúncias.

Por meio das redes sociais e pelo contato direto do vereador Babá Tupinambá (PDT), pais e responsáveis de crianças e adolescentes de Parintins, denunciaram a possível prática de venda de vagas em escolas estaduais do município.

Segundo publicação do vereador, várias mães na semana passada, tentaram conseguir uma vaga para seus filhos no Colégio Nossa Senhora do Carmo, mas sem sucesso por falha no sistema de matrículas. Informações repassadas pelos denunciantes, informam que “mesmo com as vagas esgotadas no dia 16 de janeiro, a suposta servidora da Seduc, em Parintins, conseguiu uma vaga, isso já no dia 18 de janeiro. Para efetivar as matrículas a tal servidora exigia o valor de R$ 300,00 (trezentos reais) por pagamento via pix”.

Ao tomar conhecimento em virtude dos inúmeros prints enviados, Babá Tupinambá, comunicou o setor de matrícula da Secretaria de Estado da Educação do Amazonas (Seduc) para apurar as denúncias. “Em resposta a Seduc se comprometeu em investigar a suposta venda de vagas, e a partir do que for apurado, tomar todas as medidas cabíveis e esclarecer os fatos”, informa o edil.

Por meio das redes sociais, a servidora se defendeu das acusações.

 “Isso tudo feito por uma pessoa que tem acesso direto ao sistema de matrícula da Seduc. Vamos sempre procurar escutar as partes e não sair culpando ou julgando A ou B. Essa denúncia é muito séria, até porque, de acordo com os denunciantes, quem estaria praticando essa atitude de venda de vagas é uma servidora da própria Seduc, em Parintins”, reafirma Babá.

 

Da Redação Parintins Em Destaque

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

..