Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Prefeitura realiza força-tarefa para retirar animais das ruas de Barreirinha

Para realizar a retirada dos animais, os proprietários devem assinar um termo de responsabilidade.

A Prefeitura de Barreirinha iniciou na terça-feira (8) a ação de retirada de equinos das ruas da cidade. Em uma força-tarefa composta pela Secretaria Municipal de Cultura, Turismo e Meio Ambiente (Semctram), Secretaria Municipal de Produção e Abastecimento (Sempa), com o apoio da Defesa Civil, Vigilância Sanitária e Polícia Militar do município estiveram realizando o resgate dos animais que foram levados para um espaço reservado na secretaria de Abastecimento.

De acordo com o técnico em Meio Ambiente da Semctram, Marcos Bahia, a operação tem como objetivo resgatar equinos, realizar o auto de infração e responsabilizar os proprietários. “Nós estamos realizando o resgate dos animais que estão causando transtorno no trânsito e outros problemas, além de direcioná-los para o parque de exposição onde eles vão ficar sob responsabilidade da secretaria de Abastecimento”, explica Bahia.

Para realizar a retirada dos animais, os proprietários devem assinar um termo de responsabilidade. “Aqui na Sempa os animais serão resenhados, fotografados, com anotação das características de cada um. Os donos dos animais devem vir até a secretaria, munidos de RG, CPF, comprovante de residência e assinar o termo de responsabilidade de acordo com Decreto Municipal para então os animais serem liberados”, ressalta o secretário de Abastecimento, Kennedy Andrade.

O coordenador da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (Adaf), Éder Pedreno, ressaltou a importância desta ação em Barreirinha. “A Adaf realiza o monitoramento de equídeos, visto que em Barreirina está aberto o foco de anemia infecciosa equina, por isso, a importância em retirar esses animais das ruas, para preservar a saúde pública e o bem-estar do animal”, enfatiza Pedreno.

Até esta terça-feira, 15 animais estavam apreendidos no parque de exposição, vale ressaltar que se o proprietário não realizar a retirada de seu animal até uma semana após a apreensão, automaticamente o animal vai se tornar patrimônio do município.

 

Decom da PMB

Foto: Divulgação

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.