Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Telo Pinto faz alerta sobre aliança formada por pré-candidatos à Prefeitura de Parintins

Após expor os fatos passados, pediu à população que façam a melhor escolha nas eleições, para não caírem em mãos erradas novamente e repetir o aconteceu na gestão anterior.

Na sessão ordinária de terça-feira, 25 de agosto, o presidente da Câmara, vereador Telo Pinto (PSDB), posicionou-se sobre a união de ex-parlamentar com vereadora da oposição para concorrerem à Prefeitura de Parintins. O edil orientou a população para que esteja atenta à escolha do melhor representante para o município.

Telo relatou a prática de nepotismo durante gestão do ex-parlamentar na Câmara Municipal. Para ele, atos como este comprometem o trabalho legislativo. Em seu pronunciamento, o presidente detalhou valores pagos para a retransmissão das sessões da Câmara via rádio. “Contratos absurdos existiram aqui. Hoje, em 2020, pagamos cerca de R$ 6.500 para uma emissora de rádio retransmitir as sessões da Câmara. Mas, lá atrás, em 2011, este valor chegou a ser de R$ 18.000. Isto era pago para uma rádio comunitária, que nem poderia fazer esse tipo de contrato”, apontou.

Sobre a vereadora oposicionista, Telo criticou sua abordagem a respeito do governo municipal. Para ele, há contradição na tentativa de ludibriar o povo parintinense diante da realidade. “Ficou fazendo uma oposição absurda, que fingia ser cega em ver os avanços que o município teve e que as dificuldades estavam sendo superadas. A população de Parintins já vivia e vive hoje dias melhores”, destacou.

Após expor os fatos passados, pediu à população que façam a melhor escolha nas eleições, para não caírem em mãos erradas novamente e repetir o aconteceu na gestão anterior. “O município estava em franco desenvolvimento e sucumbiu, mergulhando em um mar de corrupção e de má gestão. Tínhamos a melhor saúde do estado do Amazonas e isso foi perdido na gestão passada. Que não possamos permitir mais que o município faça um retrocesso novamente. Vejam os candidatos que se apresentam, as chapas que se formam e verifiquem a índole, a postura e, acima de tudo, o verdadeiro interesse em assumir o município”, finalizou.

Clely Ferreira – CMP

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.