Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

UBS Fluvial de Barreirinha ultrapassa 2 mil atendimentos nas regiões do Limão e Paraná do Ramos

Desde 2017, a Prefeitura através da UBSF tem feio o papel de levar atendimentos de saúde onde não há equipes do programa Saúde da Família atuando.

Alcançando cerca de 2,8 mil atendimentos de saúde no último roteiro deste ano, a UBS Fluvial de Barreirinha está proporcionando serviço de saúde pela região do Paraná do Limão e deverá encerrar esta viagem visitando comunidades e Distritos do Paraná do Ramos. A Prefeitura Municipal de Barreirinha, determinou a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) que enviasse a embarcação estar nestas localidades entre os dias 11 até 25 de março, compreendendo cobrir a população residente em 17 localidades.

Uma equipe completa composta 16 profissionais da saúde, dispõe atendimentos de enfermagem, médicos, odontológicos, laboratoriais, e atendimentos de serviço social. De acordo com o secretário de Saúde do município, Péricles Tavares, a política de trabalho do governo municipal é atender a população que carecem desses atendimentos. “Essa é uma das nossas propostas, que é levar saúde, através da secretaria, para aquelas pessoas que habitam distante do município, e que necessitam dessas assistências” , frisou.

Desde 2017 a UBSF tem feio o papel de levar atendimentos de saúde onde não há equipes do programa Saúde da Família atuando. Para a enfermeira Damisa Anselmo, as famílias das áreas visitadas sempre esperam ansiosas para receber o atendimento dos profissionais. “Essas famílias que nós atendemos, às vezes não têm condições de chegar até a sede do município. Nós vemos o sorriso dessas pessoas quando a unidade chega em suas localidades”, comentou a coordenadora.

A moradora da comunidade do Desterro, Sinara Oliveira, comentou sobre a facilidade que a unidade levou até a comunidade. “ Para nós é um prazer receber a unidade aqui em nossa comunidade. Fica muito distante a cidade para a gente ir se consultar, e com a vinda da UBSF facilitou muito para nós”, disse.

Na primeira viagem realizada pela UBSF para a região do Paraná do Ramos de baixo e baixo Andirá, foram feitos 2.835 (dois mil oitocentos e trinta e cinco) atendimentos, em 20 localidades. Segundo o secretário, já está sendo organizada a terceira ida da unidade, dessa vez para a região do Andirá de cima, abrangendo parte da área indígena.

Decom BAE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.