Parintins em Destaque
O Jornal Popular da Ilha

Vereador Telo requer novo Mutirão do Detran e retomada de obras em escolas da área de várzea

Hoje, 27 de julho, na tribuna, o parlamentar apresentou e obteve aprovação em cinco proposituras.

As sessões plenárias do 2º semestre do 1º período da 18ª Legislatura da Câmara Municipal iniciaram ontem, 26 de julho. Em virtude do problema que houve na Amazonas Energia, o vereador Telo Pinto (PSDB) não pode fazer seu pronunciamento. Hoje, 27 de julho, na tribuna, o parlamentar apresentou e obteve aprovação em cinco proposituras.

No dia 17 de maio, Telo indicou ao Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) que promovesse mutirão em Parintins para regularização de veículos. A ação aconteceu e obteve resultados além das expectativas, por isso, pediu Moção de Aplausos e Parabenizações ao órgão. Mediante à demanda solicitou a realização de um novo mutirão.

Outra pauta de seu discurso foi Educação. À Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), pleiteou a retomada de obras das Escolas da área de várzea como Escola Municipal Gláucio Gonçalves, no Paraná do Espírito Santo de Cima, e das comunidades Araçatuba, Costa da Águia, Borralho e São José do Arco, as quais foram interrompidas devido à grande cheia deste ano.

À Mesa Diretora da Casa Legislativa requereu realização de Sessão Solene para homenagear professores, pedagogos e profissionais responsáveis pelo programa “Aprendendo em Casa nas Ondas do Rádio”. Reconhecimento é o motivo do pedido, pela dedicação em comandar aulas remotas para levar a educação aos alunos da rede municipal nesse período de pandemia, principalmente como forma de prevenção, controle e contenção de riscos à proliferação de Covid-19.
Por último, apresentou Moção de Aplausos e Parabenizações à Rede Calderaro de Comunicação (TV Acrítica) pela produção e veiculação do “Especial Parintins da Saudade”. O programa homenageou personalidades que muito contribuíram para a história e, principalmente, para a cultura parintinense com a ideia de “manter vivo todo o legado e contribuições para a cultura do Boi-Bumbá”.

 

Texto: Clely Ferreira – CMP

Foto: Simone Brandão

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.